Beleza de dentro para fora: Como a herança genética influencia a saúde – Bergamía
Este site tem certas restrições de navegação. Recomendamos o uso de navegadores web como: Edge, Chrome, Safari ou Firefox.

FRETE GRÁTIS acima de R$ 250 cupom: fretegreenfriday

Beleza de dentro para fora: Como a herança genética influencia a saúde da pele

Compreendendo a influência dos genes na aparência da pele


No estudo da pele humana, é impossível ignorar a influência direta que a herança genética tem na determinação de seu tipo e condição. Desde o momento da concepção, a carga genética de nossos pais começa a moldar a forma como nossa pele se desenvolve e responde a estímulos externos.


Como bem observado por Alexandre Humboldt em sua obra "Viagem às Regiões Equinociais do Novo Continente", nossos ancestrais são como espelhos que refletem traços e características que podem ser transmitidos de geração em geração. Na pele, isso se manifesta na forma de diferenças entre as populações em termos de cor, textura e resposta a danos e irritações.


O tom da pele, por exemplo, é em grande parte determinado pela quantidade e distribuição de melanina, que é controlada por genes específicos. Isso significa que os traços genéticos de nossos antepassados podem influenciar nossa aparência e proteção contra a radiação solar. Povos com ancestrais que viveram em áreas mais próximas ao equador, onde a radiação solar é mais intensa, tendem a ter uma pele mais escura, enquanto aqueles com ancestrais que viveram em áreas com menor exposição ao sol tendem a ter uma pele mais clara.


Além disso, nossos genes também controlam a produção de colágeno, elastina e outras proteínas que determinam a textura e firmeza da pele. O excesso de exposição solar, poluição e outros fatores ambientais podem acelerar a degradação dessas proteínas, mas o potencial de nossa pele para se manter saudável e resistente pode ser fortemente influenciado por nossa carga genética.


Para um processo de autoconhecimento eficaz, é essencial ter conhecimento de nossa herança genética. Compreender a influência de nossos antepassados ​​em nossa pele e outras características físicas pode ajudar-nos a tomar decisões mais conscientes sobre nossa saúde e bem-estar. Além disso, esse conhecimento também pode ajudar-nos a escolher os produtos de cuidados com a pele mais adequados para nossas necessidades específicas.


Em resumo, a herança genética é um fator importante e, em grande parte, determinante na condição de nossa pele. Compreender a influência de nossos ancestrais em nossa aparência e saúde pode nos ajudar a tomar melhores decisões em relação aos cuidados com a pele e a nos aceitarmos mais plenamente como indivíduos únicos e especiais.


Para criar o texto anterior, alguns artigos que podem ser relevantes incluem:


"Genetics of Skin Development and Aging" de Yiqin Ma e outros, publicado na revista Skin Research and Technology (https://onlinelibrary.wiley.com/doi/full/10.1111/srt.12627)


"The genetic basis of skin pigmentation" de Victor A. Canfield e outros, publicado na revista Current Opinion in Genetics & Development (https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0959437X15000029)


"The Genetics of Skin Aging" de Nikki Bush e outros, publicado na revista Dermatologic Clinics (https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0733863516300373)


Esses artigos abordam diferentes aspectos da relação entre genética e pele, incluindo a influência dos genes na cor da pele, textura, firmeza, envelhecimento e resposta a danos e irritações ambientais.

Deixe um comentário

Carrinho de compras

Não há mais produtos disponíveis para compra

Seu carrinho está vazio.

Subtotal Gratuito
Antes de impostos e custos de frete